Comissão de Seleção PGPAT 2017.2

MESTRADO:

Dra. Patrícia Sampaio Tavares Veras

– Dra. Valéria de Matos Borges

– Dr. Ricardo Riccio Oliveira

Suplente: Dra. Dalila Luciola Zanetti

 

DOUTORADO:

 

– Dra. Clárissa Araújo Gurgel Rocha

– Dr. Washington Luiz C dos Santos

– Dr. Fabio Rocha Formiga

Suplente: Dra. Natalia Machado Tavares

 

Formato da Prova

O exame de seleção para o Mestrado ou Doutorado no PGPAT constará de três etapas:

1. Prova de interpretação de texto científico em inglês, de caráter eliminatório e classificatório;

2. Defesa do anteprojeto de pesquisa e entrevista, de caráter eliminatório e classificatório;

3. Avaliação do curriculum vitae com barema, de caráter classificatório.

A nota mínima para aprovação nas etapas de caráter eliminatório será 7,0 pontos. A nota final do

candidato será uma média ponderada das notas obtidas em cada uma das etapas, considerando os

pesos para cada etapa para cada seleção (mestrado ou doutorado) discriminados na tabela abaixo:

4.3.1 Etapas do processo de seleção:

Etapas Peso para o Mestrado Peso para o Doutorado
1 – Prova de interpretação de texto cientifico em inglês. 4 3
2 – Defesa do anteprojeto e entrevista (barema anexo). 3 4
3 – Avaliação do Curriculum vitae com barema preenchido e assinado. 3 3

 

Fase 1 Prova de interpretação de texto cientifico em inglês: Na prova de conhecimentos sobre

a língua inglesa será avaliada a capacidade de interpretação de texto científico em inglês, e

a partir deste, fazer considerações sobre o próprio texto e sobre tabelas e figuras.

Será permitido o uso de dicionário Inglês-português.

Fase 2 Defesa do anteprojeto e entrevista: O anteprojeto deverá ser entregue impresso, em

formulário específico disponível na página do PGPAT (“Formulário_de_Anteprojeto.pdf”), no

momento da inscrição. Durante a defesa, o candidato terá entre 05 a 10 minutos de

apresentação do anteprojeto, podendo ser utilizado recursos audiovisuais em programa

compatível existente no IGM-FIOCRUZ. A arguição do candidato sobre o anteprojeto e

entrevista terá duração máxima de 15 minutos. A avaliação do candidato será realizada de

acordo com o barema para análise do anteprojeto de pesquisa (anexo). Na entrevista o

candidato será avaliado com ênfase nas atividades que indicam os interesses científicos

e/ou acadêmicos. Todas as entrevistas serão gravadas.

Fase 3 – Análise de Currículo Vitae com Barema: Será analisado o barema e os documentos

comprobatórios referentes a cada item pontuado. Cada documento pontuará apenas uma

vez no Barema; portanto, devem ser apresentados em separado os certificados referentes à

participação em reunião científica, apresentação de trabalho oral/pôster e resumo do

trabalho apresentado em anais. Da mesma forma, estágios curriculares comprovados no

histórico escolar não pontuam no Barema, pois são parte integrante do currículo de

graduação, requisito mínimo ao ingresso à pós-graduação. Apenas os estágios

extracurriculares são computados e devem ser comprovados especificando o local de

realização e número de horas de duração.

O processo seletivo será conduzido por duas comissões independentes, designadas pelo Colegiado

do Curso de PGPAT, uma para avaliar os candidatos ao Mestrado e outra para avaliar os candidatos

ao Doutorado.

Todos os candidatos ao Mestrado ou ao Doutorado deverão ser submetidos a todas as etapas do

processo de seleção, mesmo os candidatos ao doutorado que já se submeteram ao processo de

seleção para o mestrado no PGPAT.

Obs: A ausência do candidato em qualquer uma das etapas avaliativas, por qualquer motivo,

acarretará na eliminação do mesmo no processo seletivo. Não haverá segunda chamada ou repetição

de nenhum dos exames, contidas nesse Edital.

Os candidatos que atingirem nota igual ou superior a 7,0 (sete) em cada uma das etapas

eliminatórias serão considerados aprovados.

Não será permitida a consulta a textos ou a anotações, nem uso de aparelhos eletrônicos ou de

comunicação. Os candidatos deverão permanecer nos locais de provas (salas) por, no mínimo, 30

minutos após seu início.

Em cada exame, o candidato receberá nota na escala de 0,0 (zero) a 10,0 (dez), com aproximação de

até uma casa decimal.

Ao término da Prova, os candidatos deverão entregar o caderno de provas ao supervisor.

 

Processo de Avaliação 2016.2

Comissão de Seleção PGPAT 2016.2

MESTRADO:

– Dr. Antonio Ricardo Khouri Cunha

– Dr. Washington Luis C. dos Santos

– Dra. Theolis Costa Barbosa Bessa

Suplente: Dra. Natalia Machado Tavares

DOUTORADO:

– Dr. Ricardo Riccio Oliveira

– Dra. Clarissa Araújo Gurgel Rocha

– Dra. Patrícia Sampaio Tavares Veras

Suplente: Dra. Dalila Luciola Zanette

Formato da Prova

O exame de seleção para o Mestrado ou Doutorado em Patologia Humana e Experimental constará de três etapas:

  1. Prova de interpretação de texto científico em inglês, de caráter eliminatório e classificatório;
  2. Defesa do anteprojeto de pesquisa e entrevista, de caráter eliminatório e classificatório;
  3. Avaliação do curriculum vitaecom barema, de caráter classificatório.

A nota mínima para aprovação nas etapas de caráter eliminatório será 7,0 pontos. A nota final do candidato será uma média ponderada das notas obtidas em cada uma das etapas, considerando os pesos para cada etapa para cada seleção (mestrado ou doutorado) discriminados na tabela abaixo:

Etapas Peso (para o Mestrado) Peso (para o Doutorado)
1 – Prova de interpretação de texto cientifico em inglês.

 

 

4

 

3

2 – Defesa do anteprojeto e entrevista (barema anexo).

 

3 4
3- Avaliação do Curriculum vitae com barema 

    preenchido e assinado.

3 3

Fase 1 – Prova de interpretação de texto cientifico em inglês: Na avaliação de conhecimentos sobre a língua inglesa será avaliada a capacidade de interpretação de texto científico em inglês e a partir deste fazer considerações sobre o próprio texto e sobre tabelas e figuras.

  • Será permitido o uso de dicionário Inglês-português.

Fase 2 – Defesa do anteprojeto e entrevista: O candidato terá entre 05 a 10 minutos de apresentação do anteprojeto, podendo ser utilizado recursos audiovisuais em programa compatível existente no IGM-FIOCRUZ. A arguição do candidato sobre o anteprojeto e entrevista terá duração máxima de 15 minutos. A avaliação do candidato será realizada de acordo com o barema para análise do anteprojeto de pesquisa (anexo). Na entrevista o candidato será avaliado com ênfase nas atividades que indicam os interesses  científicos e/ou acadêmicos. Todas as entrevistas serão gravadas.

Fase 3 – Análise de Curriculo Vitae com Barema: Será analisado o barema e os documentos comprobatórios referentes a cada item pontuado. Cada documento pontuará apenas uma vez no Barema; portanto, devem ser apresentados em separado os certificados referentes à participação em reunião científica, apresentação de trabalho oral /pôster e resumo do trabalho apresentado em anais. Da mesma forma, estágios curriculares comprovados no histórico escolar não pontuam no Barema, pois são parte integrante do currículo de graduação, requisito mínimo ao ingresso à pós-graduação. Apenas os estágios extracurriculares são computados e devem ser comprovados especificando o local de realização e número de horas de duração.